Dicas de Filme!

por Ana Lou para Página da Cultura

Nossa vida é repleta de banalidades, mas podemos tornar a nossa semana mais agrádavel inserindo em nossa rotina pequenos hábitos agradavéis, como por exemplo, assistir um bom filme depois do jantar! Além de termos assunto para semana inteira , aprendemos a relaxar durante a semana, deixando o final de semana, mais leve!.

Por isso, perguntamos a escritora e nossa colaboradora Liliane Prata quais são seus filmes prediletos. Veja a lista abaixo e aperte o play:

“.. qualquer um do Woody Allen é inesquecível para mim. Os outros vão de “O Poderoso Chefão” de Francis Coppola ao argentino “O Segredo dos Seus Olhos” de Juan José Campanella, passando por “A Turba” de King Vidor, “Linha de Passe” de Walter Salles, “O Escafandro e a Borboleta” de Julian Schnabel, “Julie & Julia” de Nora Ephron, “O Filho da Noiva” de Juan José Campanella e “Quatro Casamentos e um Funeral” de Mike Newell.”

Boa sessão!




Dica de Hoje: Blog do Ortiz!

por Ana Lou para Página da Cultura

O escritor e nosso colaborador Airton Ortiz tem um blog excelente chamado Blog do Ortiz. Nele o autor aborda seus temas favoritos como Literatura, Aventura e Viagens.

Em sua página o autor compartilha as fotos de suas viagens, sua agenda e seus caminhos pelo jornalismo de aventura.

Quer saber mais? Clique aqui e boa leitura!




O blog do Schneider!

por Ana Lou para Página da Cultura

Minha de hoje é que você acesse blog do escritor e nosso colaborador Henrique Schneider. Toda semana o autor publica um conto novo e nos ensina a apreciar pequenas situações do cotidiano!

O conto dessa semana, por exemplo se chama Arganazes. Leia abaixo:

Adélia escutou uma frase, num discurso bíblico, que dizia que os montes dão abrigo às cabras e os rochedos abrigam os arganazes – e impactou. Não pela frase como um todo, mas pela beleza da palavra em si.

Arganazes!

leia mais »




16 nov 2011
Dicas 2 comentários

Como aproveitar melhor a leitura do seu livro?

por Ana Lou para Página da Cultura

Olá querido (a) leitor (a), como vai? Passou bem o feriado prolongado? Espero que sim!

Hoje resolvi compartilhar algumas dicas  de leitura para que você aproveite  melhor a leitura do seu livro. Vamos lá?

  1. Dê preferência a livros impressos em folhas de papel mais amareladas que geralmente correspondem a folhas de pólen bold 90g ou pólen soft 80g. Livros impressos nessas gramaturas são mais leves, isto é, facilitam a locomoção, cansam menos a vista e possuem um toque suave. Geralmente são mais caros do que os impressos em off-set (aquelas folhas brancas que lembram papel sulfite) e mais bonitos. Porém, não se rebele contra o editor, porque ele avalia cada projeto gráfico e depois escolhe o papel. Para não encarecer a obra e vendê-la a um preço mais acessível o off-set acaba sendo a melhor opção. Fique atento e compare os preços! leia mais »



Livros sobre livros!

por Ana Lou para Página da Cultura

Livro: Cartas a um jovem poeta

Autor: Rainer Maria Rilke

Vale à pena ler por quê? Neste livro  Rainer Maria Rilke responde os questionamentos do aspirante jovem poeta Franz Kappus. Temas como o amor, o processo de desenvolvimento da escrita, a relação do homem com Deus, com seus semelhantes  e com a solidão são discutidos de forma leve, porém repleta de sabedoria. Se você almeja tornar-se um escritor esse livro é leitura obrigatória.

 

Livro: Livro – um encontro

Autora: Lygia Bojunga

Vale à pena ler por quê? A premiada escritora Lygia Bojunga conta desde sua remota infância sua relação com o livro e com alguns autores. De maneira leve e surpreendente a autora nos leva nesta leitura surpreendente!

 

Livro: 1001 Livros para ler antes de morrer

Autor: Peter Boxal

Vale a pena por quê? Sabe quando bate aquela dúvida sobre qual livro ler? Então, livros como esse nos ajudam muito neste momento, além de nos motivarem a ler livros de gêneros diferentes. Recomendo!




27 out 2011
Dicas 1 comentário

Dicas para adolescentes!

por Ana Lou para Página da Cultura

Ok! Ontem escrevemos o post sobre o dia da criança aqui na Página e o seu filho pré-adolescente reclamou… Disse que você não está atualizado (a) e que não entende nada de livros. Tudo bem respira e leia as dicas abaixo que vai dar tudo certo, confia!

Livro: O Mundo de Sofia: romance da História da Filosofia

Vale à pena ler por quê? O autor de forma descontraída conta a história de Sofia Amundsen, uma jovem que próximo ao seu aniversário de quinze anos passa a receber cartas anônimas de um major  desconhecido que lhe apresenta a Filosofia. A cada novo bilhete a personagem  aprende um pouquinho sobre a filosofia ocidental (dos pré-socráticos aos pós-modernos).

 

Livro: O Diário de Débora

Vale à pena ler por quê? A autora narra à história de Débora, uma menina de 15 anos que como uma boa adolescente vive em crise por gostar de meninos diferentes, tingir o cabelo e se arrepender e achar que tem celulite. Um livro que os adolescentes se identificam, pois a autora fala dos reais problemas vividos por eles sem ser clichê ou apenas uma conselheira.

 

CD: The Beatles

Vale a pena por quê? Esse cd contém o mínimo que o seu filho deve saber sobre os Beatles.

 




O dia da criança na Página!

Por Ana Lou para Página da Cultura

Estamos atrasados, eu sei! Mas, acreditamos que todos os dias as nossas crianças merecem ser prestigiadas e tratadas com todo carinho e respeito. Por isso, hoje selecionamos dois livros e um cd para preencher a vida delas de alegria e muita cultura.

Um forte abraço da Página para todas as crianças do mundo. Que a brincadeira seja boa!

Livro: O Menino Nito

Vale à pena ler por quê? O livro conta a história do menino Nito que chora por qualquer motivo e por ser menino o pai erroneamente o ensina que “Homem não chora”. Nesta história a autora Sonia Rosa nos ensina como lidar com crianças choronas sem apelar para preconceitos antigos

Livro: O Grúfalo

Vale à pena ler por quê? Um ratinho muito esperto e inteligente mostra como consegue sobreviver em uma floresta repleta de animais que querem comê-lo, como por exemplo: a cobra, a coruja e a raposa. Neste livro aprendemos que o mais importante na vida é a sabedoria e que tamanho não é documento.

 

Cd: Pequeno Cidadão

Vale à pena ouvir por quê? Neste cd de Arnaldo Antunes, Edgard Scandurra, Antônio Pinto e Tatiana Barros as crianças irão aprender a se desprender da chupeta, lidar com seus limites, respeitar a natureza de forma alegre e inovadora. Os próprios filhos dos cantores e compositores cantam junto e aí meu amigo não tem como não se identificar. Porém, a grande sacada é que você também não vai conseguir parar de ouvir!




24 out 2011
Dicas 1 comentário

Estante Nova!

por Ana Lou para Página da Cultura

Na série “Como cuidar do seu livro” ensinamos como guardar os seus livros, assim como fazer prateleiras com caixotes de madeira. Clique aqui para ler!

Hoje vamos mostrar para vocês algumas inovações no ramo das prateleiras. Dê uma olhada nas imagens abaixo:

  • Estante Descanso: você deita sobre ela enquanto lê!

  • Estante Diálogo: Não dizem que os livros são excelentes companhias? Então, converse com eles!

  • Estante Lili Lite: Quando você pega o livro da prateleira a luz acende na hora e quando você o coloca novamente sobre ela a luz apaga!

  • Estante Danny Kuo: as prateleiras deslizam e formam uma escada. Interessante, né?



17 out 2011
Dicas 2 comentários

Livro sem revisão? Não!

por Ana Lou para Página da Cultura

Muitos leitores deixam passar! Apenas anotam o nome da editora, do revisor e do autor para nunca mais cometer o mesmo “erro”.

Agora respira um pouco e pensa comigo: vale a pena ver que um livro contém erros sejam palavras  escritas de forma errada, uma vírgula em um lugar equivocado e não fazer nada apenas boicotar o tripé mencionado acima? leia mais »




A vida real de Madame Bovary!

por Ana Lou para Página da Cultura

Madame Bovary, um dos livros prediletos do nosso autor e colaborador Rafael Barioni, foi escrito pelo escrito francês Gustave Flaubert em 1857 e é considerado o primeiro grande romance Realista por retratar a sociedade burguesa do século XIX sem usar eufemismos, e sim mostrá-la como é, na sua realidade exata através da observação e da análise, fazendo críticas ferozes à religião e à moral da época. leia mais »




 

Nossos autores

Arquivo