Epígrafes à moda da casa!

por Ana Lou para Página da Cultura

Pedimos aos nossos autores que nos contassem a suas epígrafes de hoje. Aprendizados e brincadeiras a parte, leiam as citações abaixo e inspirem-se:

Por  Roberto Jenkins de Lemos

“Não há mal que sempre dure nem bem que sempre ature” – ditado popular.

Por Mónica Palacios

“Nada me surpreende, estou vivendo…”

Por Mary del Priore

“O ócio torna as horas lentas e os anos velozes”. Cesare Pavese em O ofício de viver.

Por Luís Antônio Giron

“Não foi desta vez. Tente novamente.”

Por Liliane Prata

“Não deu tempo de fazer tudo o que você queria. Paciência!”

Por Henrique Schneider

“Há apenas duas ou três histórias humanas, que se repetem com tanta força que é como se nunca houvessem acontecido antes.” (Willa Cather, escritora norte-americana).

Por Georgina Catino

“Se você é gentil, alguns rirão de você, mesmo assim seja gentil.” Teresa de Calcutá.

Por Ferréz

Problemático mas sincero.

Por Eduardo Garrafa

“Que eu não perca a vontade de viver, mesmo sabendo que a vida é, em muitos momentos, dolorosa.”, de Francisco Xavier.

Por Edson Aran

“Chefes perguntam ‘quando? ’, líderes perguntam ‘por quê? ’.”

Por Dora Lorch

“entre sado e o mar agitado há a via láctea” hai-kai de um japonês famoso

Por David Oscar Vaz

“Podemos nos conformar com o mal que os homens fazem em nome do mal, mas que os céus nos protejam com o mal que fazem em nome do bem”. Acho que é de Ésquilo, e cabe bem como referência a Bush.

Por Claudia Matarazzo

“virar bens as páginas do livro”

Por Airton Ortiz

“Eu sou o que penso e não o que os outros pensam que sou”




*nome

*e-mail

site ou blog

comente a postagem :: tentativas de contato por comentário serão bloqueadas