Qual é a melhor maneira de enviar alguém para a fogueira?

No Brasil colonial, a maneira mais prática de enviar alguém para fogueira era o acusando de heresia. A Inquisição portuguesa, estabelecida em 1536 e extinta em 1820, cuidava desses casos. A instituição não chegou a estabelecer tribunais no Brasil, mas contava com o apoio da Igreja local e de visitações de agentes inquisitoriais. Mas quais eram os delitos perseguidos? Ora, perseguiam-se os chamados crimes de consciência. A fronteira entre esses crimes e os “pecados veniais”, aqueles solucionados no confessionário, era tênue. Um exemplo: a relação sexual entre solteiros, seguida do arrependimento, era um gesto enquadrado como um “pecado venial”. Mas se os envolvidos nessa relação não se arrependessem e, ao contrário, saíssem alardeando que esse tipo de comportamento não consistia pecado, a atitude seria considerada como um delito de consciência. Enfim, a Inquisição era um tribunal do pensamento. Leia mais.




*nome

*e-mail

site ou blog

comente a postagem :: tentativas de contato por comentário serão bloqueadas